sexta-feira, 30 de julho de 2010

Acabou a folga.....

Oi,
Feliz da vida....mas pegando um resfriado danado....rs
Bom....
Dentro da dieta que estou seguindo (na verdade eu que crieiii...rsrsrs), tento sempre acrescentar algo novo (saudavelmente falando) no prato.
O meu mais novo aliado é o FEIJÃO AKUZI....adogoooo
Eu comi pela primeira vez esse feijão em um restaurante de comida natureba e simplesmente adorei. Na verdade nunca pensei em comprar para fazer em casa, até que, não me lembro aonde, vi um saquinho e comprei (não me lembro mesmo, engraçado).
Como sempre faço com o feijão normal, cozinhei todo e separei em potinhos para ir descongelando e temperando conforme a necessidade.
Foi então que bateu a curiosidade de saber mais sobre ele....lá vamos nós.


FEIJÃO AZUKI

O feijão azuki, originário do Japão, é uma leguminosa selvagem, pequena e vermelha. A sua introdução na Europa deu-se após o século XX, depois de ter sido levado pelos emigrantes japoneses para o Brasil. É um alimento de grande riqueza nutricional, pois é rico em proteínas, fósforo, cálcio, ferro, potássio, zinco, fibras solúveis e vitaminas do complexo B.

Para além de propriedades diuréticas, este feijão fermenta menos do que os outros. Auxilia na formação óssea, fortifica e regenera rins cansados, sendo indicado para disfunções renais, hipertensão e diabetes. Os japoneses utilizam-no na preparação de doces com sabor suave. Na alimentação vegetariana é o ingrediente principal de feijoadas ou chili, por ser leve e saudável. Também é usado na preparação de sopas e saladas. O consumo de arroz com feijão azuki fornece ao organismo uma combinação nutricional completa.

Antes de qualquer preparação, este feijão deve ser deixado de molho durante 10 a 12 horas (eu não fiz isso, também eu não sabia...rs). Deve cozinhar-se, preferencialmente na panela de pressão, durante 30 minutos, sem sal. O sal deve ser adicionado depois da cozedura e de se deixar a água evaporar, com a tampa destapada e a chama moderada.

Com este alimento também se pode preparar uma infusão particularmente indicada para fortalecer os rins, a bexiga e os órgãos reprodutores; ajudando ainda a lidar com casos de obstipação e a eliminar o excesso de produtos animais. Para preparar esta bebida deve colocar-se uma chávena de azuki num tacho, juntamente com uma tira de alga kombu (opcional) e adicionar quatro chávenas de água. Depois de levantar fervura, deve baixar-se a chama para o mínimo e deixar o líquido borbulhar durante cerca de meia hora. No final, coa-se e bebe-se quente. Se, após ter coado os feijões, se adicionar meia chávena de rábano, nabo ou rabanete ralados, obtém-se uma variante desta infusão indicada para dissolver cálculos renais.

Actualmente, o feijão azuki é um produto relativamente fácil de encontrar em lojas de produtos naturais e até em alguns hipermercados.


Informação nutricional do feijão azuki
Por 100gramas:

Valor Calórico: 350 kcal
Hidratos de carbono: 66 g
Proteínas: 20 g
Lípidos: 0 g
Fibras: 8 g
Cálcio: 252 mg
Ferro: 8 mg
Potássio: 1254 mg
Sódio: 5 mg

Referências:
http://www.maeterra.com.br/index.php?secao=04c&codigo=7

Informações retiradas so site:
http://www.centrovegetariano.org/index.php?article_id=272


Eeeeeeeeeeee sexta-feira, tô felixxxxxxxxxx da vida.


Descansar....... porque segunda-feira o bicho vai pegar. As aulas voltam e eu vou voltar a trabalhar que nem uma camela, mas mesmo assim tô feliz da vida. Já estava chato sem as crianças aqui.


Oração para o final de semana....


Senhor não me deixe cair em jacadas.
Me proteja te todo e qualquer alimento calorico e cheio de gorduras.
Faça com que meus pensamentos estejam voltado somente para aquela saladinha light e não para o pedaço de bolo de chocolate com bastante cobertura.
Me livra da tentação de Mac Donalds, Bob´s, Churrascarias, confeitarias, padarias etc.
Amém.

Bom final semana para todas.

Inté.

Um comentário:

  1. Vou experimentar tmb, faz q nem feijão comum????

    bjbj e até 2ª

    ResponderExcluir